Chemyunion FI 0820
Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Food InnovationBebidas Kantar RadarCoca-Cola é a mais escolhida pela nona vez

Coca-Cola é a mais escolhida pela nona vez

  • Written by:

Refrigerante está à frente de Colgate e Lifebuoy como a marca mais comprada pelos consumidores no mundo, segundo Brand Footprint da Kantar

Desde 2013 sendo realizado, o ranking Brand Footprint, da Kantar, que analisa as marcas mais escolhidas pelos consumidores mundialmente, divulgou a sua análise de 2020. Pelo nono ano seguido, a Coca-Cola segue sendo a mais consumida do mundo, sendo escolhida 6,5 bilhões de vezes. Mesmo com as pessoas indo menos aos pontos físicos para compra, à medida que o consumo de comidas e bebidas online se tornou importante, a marca aumentou suas vendas de comércio eletrônico em 50%, sendo escolhida 59 milhões de vezes online.

O ranking, que analisou 23,5 mil marcas, incluindo consumidores de 54 países dos cinco continentes, contando com o Brasil, tem um alcance de 73% da população mundial, cobrindo 89% do PIB global.

Assim como em 2019, a Colgate se manteve vice-líder, aparecendo 4,3 bilhões de vezes nas compras do público. Já em terceiro, houve uma mudança em comparação ao ano anterior. Em 2020, a posição foi ocupada pela Lifebuoy, marca da Unilever especializada em sabonetes bactericidas, com 3 bilhões de aparições, destronando a Maggi, que caiu para a quarta posição.

A lista das 25 maiores marcas divulgada pela empresa inclui ainda, por ordem, Lay’s, Pepsi, IndoMie, Dove, Sunsilk, Nescafé, Vim, Knorr, Nestlé, Lux, Sunlight, Dettol, Downy, Heinz, Brooke Bond, Oreo, Kinder, Head & Shoulders, Sprite, Pepsodent e Kraft.

Em termos de crescimento, o destaque ficou para Dettol, que foi a marca que mais avançou no Top 50, sendo escolhida 1,4 milhão de vezes, saltando da 27ª posição para a 16ª. As empresas mais beneficiadas pela pandemia foram as de higiene e alimentos embalados. Junto de Dettol, Lifebuoy, Vim e Palmolive aumentaram suas taxas de penetração. Já nos alimentos, Maggi, Oreo, Heinz, Lay’s e Barilla foram mais escolhidas em 2020 do que em 2019.

Além disso, o estudo mediu o comportamento dos compradores e, devido à pandemia da Covid-19, as pessoas foram bem menos ao supermercado: 1,6 bilhão de viagens deixaram de ser feitas em comparação ao anterior. No entanto, o tíquete por viagem aumentou 11% e 64% das 50 principais marcas tiveram compradores adicionais em 2020.

O aumento das vendas digitais fez com que os compradores se voltassem para as grandes marcas, segundo o estudo. Sendo assim, as cinco principais marcas vendidas no online foram a Coca-Cola, Heinz, Nescafé, Colgate e Lay’s. Os Estados Unidos e a Índia foram responsáveis por 55% do crescimento de 10% das 50 principais marcas listadas em 2020.

 

 

 

 

 

Fonte: Meio & Mensagem 20.05.2021

Comments are closed.

Rodapé